6 de julho de 2020

10 informações importantes sobre o reparo de para-brisa

para-brisa corresponde a 30% da estrutura total do veículo e é essencial para a sua segurança. Ele está sujeito a altos níveis de exposição, o que torna recorrente danos como trincas e fissuras, e muitas são as possibilidades de elas ocorrerem, como: pedras, choque térmico, queda de objetos, enfim, grandes e pequenos impactos.

É importante saber que uma trinca no vidro pode ser concertada, esse processo se chama reparo de para-brisa. Mas, quanto mais tempo você demorar para realiza-lo, mais a trinca pode aumentar e, então, o reparo não é mais eficiente, sendo aceitável apenas a troca do para-brisa todo.

Informações Importantes

1 – O reparo de para-brisa só é possível se a trinca for igual ou menor a uma moeda de R$1.

2 – Só é permitido realizar, no máximo, duas vezes o reparo do para-brisa.

3 – Quando o reparo é realizado, não existe a possibilidade de a mesma trinca “retornar”. O concerto é de total garantia, e o vidro fica como novo, conservando a originalidade do para-brisa.

4 –  O reparo só pode ser realizado na parte externa do vidro do veículo, nunca internamente, devido a diferença de pressão do carro.

5 – O reparo só pode ser realizado no vidro da frente do carro, nunca nos laterais ou traseiro. Isso se deve ao fato da estrutura desses vidros serem diferentes, quando eles sofrem algum impacto, dificilmente sofrem fissura, pois normalmente eles estilhaçam.

6 – Para a realização do reparo de para-brisa é necessário que o vidro esteja a uma temperatura maior que 0ºC e menor que 29ºC, devido a sua dilatação.

7 – Quando o impacto causa uma trinca no limite de 2,5cm da lateral do para-brisa, o reparo não pode ser realizado.

8 – Carros blindados não podem passar pelo processo de reparo, pois a estrutura do vidro é diferente dos comuns, com mais camadas em sua constituição.

9 – Trafegar com o para-brisa trincado ou em condições que dificultem a visão do condutor é considerado uma infração grave, com multa no valor de R$127,69, e posterior retenção do veículo em depósito até que o reparo ou substituição do vidro seja feito.

10-  Só é possível realizar o reparo até 30 dias depois de ter ocorrido a fissura.

reparo de para-brisa é um serviço rápido, que pode durar no máximo 1h, e mais interessante que isso, pode ser realizado na sua casa ou escritório.

É importante realizar o procedimento o quanto antes, para que a estrutura do para-brisa do veículo não seja prejudicada, o que pode custar ainda mais para o seu bolso.

reparo de para-brisa é um dos serviços oferecidos pela União Vidros e Som Automotivos. Basta agendar pelo nosso site.