12 de maio de 2020

Recomendações INDISPENSÁVEIS para HIGIENIZAÇÃO DO CARRO em tempos de coronavírus

Não se fala em outra coisa no Brasil e no mundo. Estamos vivendo sob o pânico do famigerado surto de coronavírus, declarado como um pandemia global pela OMS (Organização Mundial da Saúde). O caso é de extrema urgência e máxima atenção às medidas preventivas para contenção da doença.

As principais orientações sobre como nos proteger deste vírus têm foco na higiene pessoal em casa, nas ruas e nos transportes públicos. Mas pouco se fala sobre os cuidados que devemos ter dentro de nossos automóveis.

Levando em consideração o tempo que se passa dentro do carro, não podemos esquecer da importância de manter o automóvel limpo, higienizado e livre de riscos do coronavírus e outras doenças.

Por isso, a União Vidros e Som Automotivo listou dicas de como se preservar e cuidar do seu carro para evitar a contaminação da Covid-19. 

1. Atenção dobrada ao volante, manopla do câmbio e freio de mão

As maçanetas (256 bactérias por cm²), alavanca de câmbio (256 bactérias por cm²) e freio de mão (115 bactérias por cm²) são as partes mais tocadas do carro e, consequentemente, um verdadeiro ponto de encontro para vírus, bactérias e fungos.

Um teste realizado identificou que o volante do carro pode possuir mais bactérias do que a tampa do vaso sanitário de um banheiro público e 6 vezes mais do que a tela do celular, com um total de 600 a 700 bactérias por centímetro quadrado do volante.

Estes dados por si só (e sem a presença do coronavírus) já são suficientes para despertar nossa atenção. Não fazer a higienização do volante também aumenta o risco de contato com bactérias responsáveis por infecções respiratórias, de garganta e/ou de pele.

Alguns produtos podem danificar as partes plásticas, tecidos sintéticos ou 100% couro, por isso, busque centro automotivos para realizar a limpeza adequada! 

2. Não utilize álcool 70% ou esponja de melamina: aprenda a fazer a higienização correta

O uso do álcool 70% é realmente a opção mais prática, mas não a mais indicada para realizar a limpeza. O álcool pode manchar tecidos sintéticos e até mesmo o envelopamento em 100% couro. 

esponja de melamina (polímero feito a base de nitrogênio e formol) é abrasiva e não é indicada para materiais porosos. Ou seja, também prejudica o volante, pois ataca tecidos de couro, borracha e plástico mais escuro.

Se você cuida da aparência do seu volante e deseja realizar a higienização correta em casa, o ideal é utilizar um pano com água e sabão neutro ou sabão de côco, no mínimo uma vez por semana.

Já na higienização profissional, a limpeza é feita com um produto específico, que desinfeta o volante sem danificar o material. Também por isso, é a mais recomendada.

ATENÇÃO: Em casa ou na oficina, deve-se tomar muito cuidado com a eletrônica embarcada com o volante. A entrada de água nessa área pode danificar o funcionamento dos componentes.

3. Limpe todos os cantos!

Algumas impurezas permanecem em locais escondidos ou de difícil acesso, e podem acumular-se nas costuras, dobras dos bancos ou em partes plásticas.

Por isso, utilize um aspirador adequado para que tudo seja devidamente limpo. Esse trabalho pode ser feito em casa ou em auto centers especializadas.

4. Janelas abertas = Ar renovado

Por recomendações de especialistas, o ideal para garantir a saúde do ar no interior do carro é manter as janelas abertas e proporcionar a ventilação natural.

Mas, se o sistema de ar-condicionado do seu carro estiver devidamente higienizado, isso fica a critério do motorista.

5. Faça a Higienização do Ar-Condicionado Automotivo

Além das altas temperaturas, o período de chuvas (primeiro trimestre do ano) também afeta o cotidiano dos brasileiros. Enfrentar essas situações sem o auxílio do ar-condicionado do carro não é fácil.

Na atual situação, com o coronavírus e com as mudanças climáticas, a opção de ligar o ar-condicionado automotivo pode agravar os riscos de contaminação, se este não estiver devidamente higienizado. Por isso, é imprescindível manter a higienização do ar-condicionado automotivo em dia.

Além de acabar com o mau cheiro e corrigir a dificuldade de ventilação do sistema, a higienização do ar-condicionado automotivo ajuda a evitar problemas respiratórios.

É indicado que a troca dos filtros do ar-condicionado automotivo seja realizada a cada 6 meses. Dada a atual situação da pandemia de Covid19, o mais recomendado é realizar a troca o quanto antes, caso não tenha sido feita no prazo indicado dos últimos 6 meses.

O serviço de Higienização do Ar-Condicionado consiste na limpeza com produtos específicos e/ou troca do filtro do aparelho.

Para realizar a higienização do seu Ar-Condicionado procure por centros automotivos especializados, assim como a União Vidros e Som Automotivo.

6. Bancos e carpetes devem ser aspirados e higienizados

Além da higienização com aspirador, é importante manter os bancos e carpetes limpos com produtos específicos ou soluções de sabão neutro e água.

Os bancos de couro são mais fáceis de serem limpos e higienizados neste processo.

Também é importante secar muito bem os bancos e carpetes para que não haja o efeito contrário de proliferação das bactérias. Dias de sol são necessários e contribuem muito para este processo.

7. Higienização do carro: tenha álcool gel sempre por perto

Utilize o álcool 70% nas superfícies plásticas, sem correr riscos de estragar o material (o álcool gel pode manchar tecidos sintéticos e couro).

Além disso, como o carro é praticamente a extensão de casa, é sempre válido limpar as mãos e manter a higiene pessoal em dia. Por isso, tenha o álcool gel 70% a fácil acesso para que você possa limpar as mãos após tossir, espirrar ou pegar em algum objeto possivelmente contaminado.

8. Higienização do carro: não deixe lixo no carro

O lixinho interno do carro ajuda no cotidiano, mas, esse pequeno acessório pode prejudicar sua saúde. E não tem nada a ver com quantidade, mas sim com o acúmulo de elementos potencialmente perigosos.

Além da manutenção e higienização do ar-condicionado, a limpeza interna do veículo deve ser primordial.

Em tempos de coronavírus acabamos usando lenços de papel com frequência e esses papéis podem conter secreções.

Outro problema é a presença de matéria orgânica no interior do carro, como folhas e restos de alimentos que irão atuar para o crescimento de fungos e bactérias.

Por isso, esvaziar o lixinho interno do carro diariamente é tão importante.

9. Reforce a higiene dos passageiros

Por último, mas não menos importante, ao transportar pessoas, principalmente crianças e idosos, disponibilize álcool gel ou soluções de água e sabão neutro e lenços descartáveis de fácil acesso para a higienização das mãos.

A medida preventiva reduz os riscos de contaminação da Covid-19, bem como outras bactérias responsáveis por infecções respiratórias, de garganta ou alergias.

Onde fazer a Higienização do carro?

A União Vidros e Som Automotivo é um centro automotivo que atua há mais de 19 anos no mercado, prezando sempre pelo melhor atendimento e serviços prestados por nossas equipes de especialistas em vidros automotivos, segurança automotiva, estética e instalação de acessórios automotivos.