10 de fevereiro de 2022

Valorize o seu carro na hora da venda

Valorize o seu carro na hora da venda. Confira os cuidados básicos que você precisa ter para arrasar na hora de fechar negócio. Quem não quer comprar um carro, e já sair dirigindo? Para que isso aconteça de forma instantânea, o veículo precisa estar em ótimas condições, não é mesmo? Isso gera mais confiança na hora da negociação. 

Mas, você sabe como valorizar o seu carro na hora da venda? 

O segredo é não ter pressa para vender o seu carro. Se você optar por vendê-lo em concessionárias, lojas de repasse ou revendas, você irá receber menos do que o seu veículo vale. Isso porque esse mercado funciona dessa forma. Seu carro é comprado para ser revendido. 

Uma ótima opção, caso você queira vender seu carro para comprar outro, é sugerir uma negociação direto com a loja ou concessionária da qual você queira comprar um novo automóvel. Não aceite menos do que o seu carro vale, principalmente se ele estiver em ótimo estado.

Confira nossas dicas de e valorize o seu carro na hora da venda: 

  1. Cuidados básicos:  Óleo, filtros, correia dentada. Deixe sempre registrado essas trocar para você não se perder e poder mostrar para o seu cliente ou comprador que você cuida bem do automóvel e que ele está com os cuidados básicos em dia.
  2. Lataria, pintura e limpeza: O mínimo que você deve fazer antes de apresentar o seu veículo para alguém é deixá-lo limpo e lavado. Dessa forma o comprador poderá analisar a lataria, e verá que seu carro está bem cuidado.Você também pode pedir para utilizarem produtos  que revitalizam plásticos e borrachas. Isso dará um brilho na lataria.
  3. Limpeza interna: Passe um aspirador nos bancos e nos carpetes. Você pode lavar os tapetes, passar um pano nos painéis e portas do carro. Deixe as portas abertas para o ar circular dentro dele. Ninguém merece entrar em um carro sujo, não é mesmo?
  4. Pneus: Você não precisa trocar os pneus do seu carro se eles não estiverem carecas. Caso precise trocar, busque usar pneus da mesma marca, rodagem e modelo.
  5. Ítens para direção: Avalie os freios, os faróis e as lanternas. Veja se o pára-brisa está intacto, se o motor está funcionando bem e como estão as palhetas.
  6. Higienização do ar-condicionado: Não vai ser nada agradável se o seu cliente ligar o ar-condicionado e sair aquele mau cheiro, ou poeira dentro do veículo. Portanto, é fundamental que você faça a higienização desse sistema. 
  7. Documentação em dia: O documento do carro (CRVL) precisa estar em dia e sem multas. Caso haja multas em aberto que ainda não foram quitadas, sugira um desconto do valor total do veículo.
  8. Faça boas fotos e vídeos do seu veículo: Tire fotos de vários ângulos do seu carro. Você pode fazer vídeos mostrando a parte interna também. Ligue o motor, mostre o painel aceso. Além disso, faça uma boa descrição do carro. Afinal,  informação nunca é demais.
  9. Anuncie seu veículo: Você pode colar um adesivo na parte traseira do seu carro, com as informações de: vende-se; ano do veículo; modelo; se é básico ou completo e seu número de telefone. Coloque seu carro em pontos estratégicos, com maior movimento. Dessa forma, suas chances de venda são maiores. Outra opção é anúncios nas redes sociais, em classificados online e portais específicos de compra e vendas de automóveis. 

Seguindo essas dicas e cuidando bem do seu veículo, a consequência será o sucesso na hora da venda! Lembre-se de não aceitar menos do que o seu veículo vale. Antes de fechar negócio, saiba para quem você está vendendo. Afinal, o valor é alto e você precisa ter uma garantia de que vai recebê-lo.